quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Ouvidos também precisam de repouso

Além do descanso, audição não deve ficar exposta por longos períodos a ruídos intensos.  

O som produzido pelo trânsito, pelas construções e até mesmo pelos objetos usados no cotidiano, como o computador, é corriqueiro e nem todos se dão conta sobre os perigos que rondam a audição. Cada ruído possui uma intensidade diferente, medida pela unidade decibel (dB). O ouvido humano é extremamente sensível e exposições prolongadas a sons de alta intensidade podem provocar sintomas como perda de audição temporária ou irreversível, zumbido e sensibilidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário